29 abril, 2008

L.B e Cooperifa

O Sarau da Cooperifa desta quarta-feira, 30/4, vai bombar. Além do Poesia no ar, teremos o lançamento da "Antologia Literatura no Brasil" - dos autores da Associação Cultural Literatura no Brasil.O livro custa R$ 15,00, mas na Cooperifa será vendido a R$ 10,00 e mais: quem adquirir este livro levará inteiramente grátis a revista Trajetória Literária III, publicação que reúne 20 autores inéditos do Estado de São Paulo.


Sarau da Cooperifa
Bar do Zé Batidão
Rua Bartolomeu dos Santos, 797 Chácara Santana
Periferia - SP

Informações: (11) 7207-4748

28 abril, 2008

MINHA PELE ESCURA

Sou homem negro com muito orgulho.
Não serei por vocês limitado.
Não buscarei ser bem comportado.
Como animal selvagem,
não serei domesticado.

Minha pele escura é linda,
no sol até brilha.
A história da Àfrica
por muito ocultada,agora
na escola será contada.
As crianças negra saberão
melhor de seu passado,
de que na Àfrica nunca
fomos escravos.

De que existem heróis de verdade
e são negros.
Saberão que na Àfrica,como num conto
de fadas,não existia guerra ,era uma pacífica terra,
onde havia um rei e uma rainha.
Resistência e consciência,
cultura ancestral,
hora da fuga presente na mente
à noite virá o sinal.

Capitães do mato,fardados ou não
andam por aí entre a gente camuflados.
Se me pegam me algemam,me torturam e me
matam.

Ser negro é buscar a ancestraliedade
e passar adiante.
Não somos um povo sofrido e sim
um povo sequestrado,espalhados
pelo mundo como escravos e
hoje afrodescendentes marginalizados.

As feridas não cicatrizam.
Elas fortalecem a resistência de um povo,
que continua lindo pela história que tem.

Linda Mulher

Mulher negra,
livre-se da síndrome do patinho feio.
Se a chamarem de ridícula
lembre-se que eu te acho linda.
Se disserem que é feia,não ligue,
pra mim você é uma princesa.

Mulher negra.
Sua beleza é natural.
Sua vaidade,e as maquiagens
só a deixam mais especial.

Mulher negra.
Você é essência,
consciência e resistência.
Você é minha mãe,irmã,
namorada e mulher.

Mulher negra,
seu cabelo é tão bonito.
Dá pra trançar,deixar solto,
fazer birote e até alisar,
mas esse último você não precisa.

Mulher negra,
duas vezes forte,duas vezes linda.
Quero você duas vezes mais,
linda mulher.

26 abril, 2008

NÃO TEMOS MUITO TEMPO.

As crianças estão nas ruas e estão morrendo.
Longe da escola ...Nas esquinas fumam pedra,
em praças públicas cheiram cola.
Sem pespectiva,sem auto estima
a vida se esvai.
Através da escrita podemos mudar isso.
Podemos semear gente pra colher humanidade
Podemos escrever a verdade
Podemos retratar a verdade.
Podemos resgatar valores,tradições e ensinar as
crianças a se orgulharem de quem são.
Podemos assim juntos aceitar a nossa identidade.

Por isso não temos muito tempo

As crianças que morrem nas ruas são negras.
Vítimas do poder branco.
A cultura do embranquecimento,continua fazendo vítimas
e através da escrita a resistência conscientiza.

Retratar a periferia,falar do seu dia a dia
Não um dia sofrido,mas sim um dia batalhado
mais um dia conquistado,pelos moradores
guerreiros da quebrada.

Por isso não temos muito tempo.

A periferia está invadindo o centro.
Ouvir estórias de senzala depois da roda de capoeira
Apresentar um teatro ou ler poesia no sarau da periferia
Tambem tem hip hop e roda de samba
onde não tem comédia,todo mundo é bamba.
Fazer parte da comunidade,
é tudo nosso e sempre foi.
Com conceito e consciência
tomaremos o que é nosso por direito.

Por isso não temos muito tempo.
As crianças estão nas ruas e estão morrendo.

25 abril, 2008

+ eventos

A Associação Cultural Literatura no Brasil apóia este evento!

O Foco

A periferia é o foco
Força Tática,Rota,Garra,todos concentrados
e fortemente armados para combater o que?
Força Tarefa na periferia,objetivo prender o inimigo,
se houver resistência
neutralize,elimine.
Descrição dos suspeitos;pele escura
cabelo duro,beiçudos.
Cuidado,o lugar está cheio deles.
Alguns são mulatos,outros pardos,
mestiços,com os mesmos traços africanos
se resistirem atirem.

24 abril, 2008

O Resgate

Os reféns sao muitos.
O cativeiro ainda esta cheio.
Alguns se libertaram,
mas a identidade perderam.
RESISTÊNCIA E CONSCIÊNCIA
se fortalece a cada dia.
Na busca da ancestraliedade
atraves da literatura afro brasileira.
Na cultura da periferia
que valoriza a vida e eleva a auto estima.

O Resgate está acontecendo
A negra linda não alisa mais o cabelo.
A criança e o adolescente repreende
com orgulho a professora dizendo:
_Não sou preto,não sou moreno
não sou de cor,eu sou negro,por
consequência do sequestro afro brasileiro.
Por isso não temos muito tempo.
Muitos sequestrados históricos ja morreram.
Vitimas de um crime hediondo,que deixa sequelas.
Auto valorização,amor,Respeito,Consciência,Atitude
Auto estima e Amor a negritude
serão as armas usadas para este resgate.
Por isso não temos muito tempo.

23 abril, 2008

Cooperifa

A COOPERIFA VAI ENCHER O CÉU DE SÃO PAULO DE POESIA
2º Poesia no Ar
Dia 30 abril 21h
O Sarau da Cooperifa realiza pelo segundo ano consecutivo, o Poesia noar, e vai encher o céu de São Paulo de poesia.
Nesta noite mágica da periferia paulistana o sarau vai acontecernormalmente até às 22hs30, depois todas as poesias lidas, mais asmensagens e poemas dos convidados, serão colocadas em balões de gás (500 bixigas) e enviados via áerea para toda a cidade.
Só não vê quem não quer, onde todos querem violência, nós poesia. Quem não puder comparecer no Sarau da Cooperifa neste dia, não se preocupe, se tiver sorte vai receber nossa poesia em casa, sem alarde, e abençoada pelo sereno da madrugada.
*Atenção: no dia 1º, antes de ir para o trabalho ou para a escola dê uma olhadinha no quintal, quem sabe...
É tudo nosso!
Sérgio Vaz
Cooperifa
Bar do Zé Batidão
Rua Bartolomeu dos Santos, 797 Chácara Santana
Periferia - SP
Inf: 7207-4748

22 abril, 2008

A IDEIA DE UM AMIGO VIROU CORDEL



Você já pode encontrar na banca de livros da ASSOCIAÇÃO CULTURAL LITERATURA NO BRASIL,o mais recente cordel do poeta e cordelista Francis Gomes, DENGUE, PREVENIR OU MORRER. Não perda tempo adquira o seu. Centro Cultural Francisco Carlos Moriconi, Rua beijamin Constant 682, centro de Suzano.Visite nossa banca e adquira livros de outros escritores e poetas como:Ademiro Alves, o Sacolinha, Guel Brasil, Sérgio Vaz, e muitos outros.Adquira também diretamente com o escritor através do E-mail:tchekos@ig.com.brpalestras e apresentações

21 abril, 2008

FESPSP

Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo apresenta:
26 de abril - Sábado
Os 75 anos da FESPSP na Virada Cultural
Data: 26 de abril de 2008 (sábado)
Hora: 14h00 Local: Escola de Sociologia e Política
Endereço: Rua General Jardim, 522 – Vila Buarque – SP (próx. à estação República do metrô)
Inscrições Gratuitas: clique aqui ou pelo telefone (11) 3123-7810

Encontro de escritores: o fazer literário no Brasil contemporâneo

O evento reunirá personalidades da literatura brasileira contemporânea que, juntos, discutirão sobre o cenário literário atual, bem como sobre os logros e as dificuldades do fazer literário no Brasil. A livraria da escola estará aberta e as obras dos autores convidados estarão disponíveis para a venda o que possibilitará uma tarde de autógrafos coletiva. Neste sentido, um objetivo mais específico é aproximar escritores de seu público.

Escritores convidados:

Sacolinha
Escritor e produtor cultural, é autor do romance “Graduado em Marginalidade” publicado em 2005 e também do livro de contos “85 letras e um disparo” publicado pela Ilustra em 2006 e em sua 2ª edição pela Global editora, 2007.

Ivan Ângelo
Publicou, entre outros, A festa (1976) e A casa de vidro (1979). Atualmente dedica-se à produção de crônicas. Sua mais recente publicação é a antologia “Melhores crônicas de Ivan Ângelo”, publicada em 2007 pela Global.

Contador Borges
Poeta, tradutor e ensaísta, publicou, entre outros, a peça “Wittgenstein!” (2007) e o livro “O Reino da Pele” (2007). Seu mais recente trabalho é o livro de poemas “A Morte dos Olhos” publicado pela Iluminuras. Atualmente é professor de Filosofia da FESPSP.

Luís Alberto Mendes
Escritor e colunista da Revista Trip é autor de “Memórias de um Sobrevivente” publicado em 2001 pela Companhia das Letras e também de “Tesão e Prazer” (2004) e “Às Cegas” (2005).

20 abril, 2008

Livros arrecadados

Neste domingo, 20/4, integrantes da Associação Cultural Literatura no Brasil estiveram no bairro Sesc, em Suzano, arrecadando livros de casa em casa. Esta ação faz parte da "Campanha de incentivo às bibliotecas comunitárias".
Foram arrecadados 187 livros de literatura, contos, crônicas, romance e poesia.
Os próximos bairros serão Pq. Maria Helena e Vila Maluf, no dia 11 de maio.
Todos os livros que a Associação conseguir serão doados para as 12 bilbiotecas comunitárias existentes em Suzano.
Mais informações: (11) 4747-7059 ou (11) 4749-0384

16 abril, 2008

4° Concurso Literário

Inscrições abertas para o 4° Concurso Literário de Suzano

Em continuidade ao projeto de fomento à produção literária, a Prefeitura de Suzano, em parceria com a Associação Cultural Literatura no Brasil, está com inscrições abertas para o 4° Concurso Literário de Suzano. Com patrocínio da Petrobras, o projeto é nacional e publicará os 20 melhores textos de contos e poesias.

Os interessados em inscrever suas obras devem retirar o regulamento no site www.suzano.sp.gov.br ou no blog http://literaturanobrasil.blogspot.com

O tema é livre e a inscrição é gratuita.

De acordo com a Secretaria de Cultura de Suzano, os menores de 18 anos devem apresentar uma autorização assinada pelo pai ou responsável. Serão aceitas até duas obras por inscrito, sendo que o participante poderá efetuar a inscrição em apenas uma categoria do concurso. O limite é de cinco páginas para a categoria Conto é de duas para a categoria Poesia.

A data limite para a inscrição é 24 de junho de 2008. Os trabalhos enviados após esta data ou que não estiverem de acordo com o regulamento não serão considerados participantes e, como os demais, não serão devolvidos. Para os trabalhos enviados pelo correio valerá a data de postagem. A Secretaria de Cultura de Suzano não se responsabiliza por possíveis extravios que possam ocorrer com os trabalhos enviados pelo correio. Os trabalhos entregues pessoalmente receberão protocolo de entrega.

Os trabalhos serão avaliados por uma comissão julgadora, composta por professores e escritores, que avaliará critérios como criatividade, literariedade e conteúdo. O resultado do concurso será divulgado a todos os participantes no Pavio da Cultura do dia 9 de agosto, no Centro Cultural Francisco Carlos Moriconi.

Haverá premiação em dinheiro aos primeiros colocados nas categorias Conto e Poesia, regional e nacional. Os 10 melhores trabalhos de cata categoria serão publicados na revista Trajetória Literária n° 4, que será lançada no dia 16 de dezembro de 2008. Outras informações pelo telefone (11) 4747-4180.

14 abril, 2008

L.B indica

as páginas:

www.colecionadordepedras.blogspot.com
www.efeito-colateral.blogspot.com
www.sacolagraduado.blogspot.com
www.gramaticadaira.blogspot.com

Acesse e leia o quanto puder.

04 abril, 2008

E o prêmio vai para...

Walmir Pinto, Sacolinha e Cida

Prefeitura recebe prêmio em Bauru pelo Pavio Erótico


O Pavio Erótico, projeto desenvolvido pela Prefeitura de Suzano há cerca de três anos, foi o grande vencedor da VIII Mostra de Experiências Exitosas dos Municípios, que ocorreu de 25 a 29 de março na cidade de Bauru. O troféu foi recebido pela secretária de saúde de Suzano, Célia Cristina Bortolletto. O projeto também conta com o apoio do secretário de Cultura, Walmir Pinto, do coordenador literário, Ademiro Alves, o Sacolinha, e da coordenadora do Programa Municipal DST/Aids, Maria Aparecida Lucareski (foto).

A mostra fez parte do XXII Congresso de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo, que é realizado anualmente pelo Cosems "Dr. Sebastião de Moraes. No total, 130 municípios do estado inscreveram 382 projetos. Destes, apenas 10 foram selecionados para receberem o prêmio da mostra. O Pavio Erótico ficou em primeiro lugar. "Este prêmio é mais do que um reconhecimento, é na verdade a prova concreta de um projeto que anda com suas próprias pernas. Serve inclusive de incentivo para que outros municípios desenvolvam o projeto", destacou Sacolinha. Suzano recebeu ainda duas menções honrosas com os projetos Lian Gong e Saúde Mental na Atenção Básica.


O Pavio Erótico é um projeto que acontece trimestralmente no município, sempre no último sábado do mês, e mistura música, dança, literatura, cinema e artes plásticas com um toque de erotismo. Há ainda sorteios de kits eróticos e distribuição de preservativos. Outro diferencial, é que os interessados em participar com seus trabalhos podem se inscrever no dia do evento, com apenas meia hora de antecedência. O objetivo é justamente divulgar essa literatura discriminada pela maioria, mas que possui grandes autores como Jorge Amado, Hilda Hist, Moacyr Scliar e Ignácio de Loyola Brandão.

A IDEIA DE UMA AMIGO VIRA CORDEL...

Você já pode encontrar na banca de livros da ASSOCIAÇÃO CULTURAL LITERATURA NO BRASIL,o mais recente cordel do poeta e cordelista Francis Gomes, DENGUE, PREVENIR OU MORRER. Não perda tempo adquira o seu. Centro Cultural Francisco Carlos Moriconi, Rua beijamin Constant 682, centro de Suzano.
Visite nossa banca e adquira livros de outros escritores e poetas como:
Ademiro Alves, o Sacolinha, Guel Brasil, Sérgio Vaz, e muitos outros.
Adquira também diretamente com o escritor através do E-mail:
tchekos@ig.com.br
palestras e apresentações

Agenda Cultural

Abril - 2008

02 abril, 2008

FAMILIA

Sou poeta
Sou contista
Faço verso, faço rima.
Sou associação
Sou cultura
Sou literatura
Não sou estrangeiro
Eu sou Brasil
Mais um brasileiro
Sou Suzano
Cidades das flores
Cidade dos poetas e dos escritores
Citarei exemplos
Rejane a bela poetiza
Com suas poesias românticas
Tem caipira feio e a academia
Com o grande Francis Gomes
Poeta, cordelista
Com tudo explicadinho
Yoseph, Mohamed
Com ele é tudo
Nos mínimos detalhes
Nelson Olavo
Que todas as vezes que recita suas poesias
Olha para o alto
Para ver se Deus esta lhe vendo
Temos lição de vida
Dona Elizabete
Mulher Arretada
Mulher trabalhadeira
Paulo Odair
O tarado literário
Com suas poesias
Já tem dois livretos publicados
Caqui
Com seu rap
Rap é poesia
Associação é cultura é literatura é periferia
Micheli com i
Poetisa, contista
Romântica mas com seu jeito fúnebre
Que acha beleza na morte
Daiane
Em todas as suas poesias
Tem uma pitada de saudade e amor
Sacolinha
Uma jóia rara
Uma peça fundamental no cenário literário
Guel Brasil
Com berrante no pescoço,
E um violão do lado
Em todos os saraus
Um conto, um causo.
É bem contado
Quem sou eu
Sou Paulo Pereira
Contista, poeta
Faço verso, faço rima.
Agradeço a Deus
Por ter me dado este dom e grandes amigos
Sou poeta, sou contista.
Sou Associação Cultural Literatura no Brasil.
Sou poeta, sou contista.
Sou literatura no Brasil

Paulo Pereira
paulo.pereira13@isbt.com.br

Clássicos Literários

Engoli com alguma dor o meu orgulho que sempre fora feroz, e aceitei humilde o que o destino me dava de esmola.

A hora da estrela - Clarice Lispector

Clássicos Literários

Vinte Anos!
Derramei-os gota a gota
Num abismo de dor e esquecimento...
De fogosas visões nutri meu peito...
Vinte anos, não vivi um só momento!

Sonetos - LIRA DOS VINTE ANOS - ( Àlvares de Azevedo)

Sarau LiteraturaNossa Agosto 2017